Psicologia Clínica

Psicologia Clínica

Avaliação psicológica

>> A avaliação psicológica é um processo que, através da utilização de técnicas, instrumentos e dinâmicas especializados e validados clinicamente, procura uma maior compreensão dos desafios actuais que a pessoa enfrenta atualmente, assim como da forma como estes se manifestam e impactam a sua vida – pessoal, profissional, escolar, social, familiar…

Cada avaliação psicológica é única e adaptada a quem dela vai beneficiar. Dependendo do contexto, ela poderá incidir mais em aspectos cognitivos – atenção, memória, capacidade de processamento, inteligências, desenvolvimento a diversos níveis, etc- sobre aspectos mais emocionais, somáticos ou mesmo avaliar as diferentes áreas.

O mais importante é compreendermos que uma avaliação psicológica é um retrato do momento atual e não guia para a vida. Um diagnóstico pode ser muito valioso para um profissional de saúde especializado, porque lhe dá pistas sobre características comuns e lhe indica quais os meios de tratamento mais eficazes. Como tal, um diagnóstico não é um rótulo ao qual a pessoa deverá adaptar-se e interiorizar como parte de si. 

A generalização e utilização dos diagnósticos, fora do contexto clínico para o qual foram criados, pode ter um impacto muito negativo na auto-estima e contexto social da pessoa e constituir-se como um elemento desestabilizador que coloca em risco o processo terapêutico. 

Não há duas pessoas iguais, não há duas depressões iguais, nem duas hiperactividades iguais, nem duas perturbações de ansiedade iguais… 

Na saúde mental, as soluções one size fits all tendem a ser mais prejudiciais do que terapeuticas. Não trabalhamos diagnósticos, trabalhamos pessoas, trabalhamos vidas e, por isso, não há dois processos terapêuticos iguais. 

Ludoterapia - Clínica para Crianças

>> A infância é uma fase mágica. Não existe outro momento no ciclo da vida com tantas e tão extraordinárias mudanças como as que a criança vive desde o momento do nascimento até à entrada na adolescência. É aqui que se aprende a olhar o mundo, a amar e a ser amado, a sonhar e a conquistar o nosso próprio espaço.

Este percurso é feito de avanços e recuos, pautado por dúvidas e inseguranças, tanto da parte da criança que está a fazer as suas descobertas, como dos pais que a querem apoiar e guiar. A grande maioria destes percalços é natural e acaba por ser ultrapassado pela criança com sucesso. No entanto, existem situações em que a criança necessita de apoio especializado para ultrapassar determinada dificuldade. Nestas situações, a Ludoterapia (terapia através do jogo) permite criar um espaço seguro e adequado para a criança desenvolver as competências necessárias para ultrapassar os desafios que enfrenta.

Problemáticas  comuns:

Psicoterapia - Clínica do Adolescente

>> A adolescência é, por excelência, a fase da afirmação. A intensidade com que são vividos os afectos, a força dos ideais, a busca pela identidade e a conquista da liberdade são os principais eixos à volta dos quais a vida do adolescente se desenrola.

É uma fase turbulenta da vida, em que há um maior afastamento do jovem relativamente à família e em que os amigos ganham um papel determinante. A criação deste espaço é saudável e indispensável para o desenvolvimento do adolescente enquanto pessoa, mas requer uma grande adaptação da família aos seus novos papeis, para que não haja uma ruptura.

Sendo uma fase tão complexa e intensa, existem inúmeros desafios que o adolescente enfrenta no seu dia-a-dia. A Psicoterapia na adolescência é o espaço onde o adolescente pode expressar e fazer sentido das suas angústias e inquietações, de forma segura e confidencial e, onde poderá encontrar suporte para desenvolver as competências de que necessita para superar os seus desafios.

Problemáticas comuns:

Psicoterapia - Clínica do Adulto

>>  A vida adulta é feita de complexidades. No nosso dia-a-dia lidamos com uma série de responsabilidades e desafios, tanto ligados à nossa vida pessoal e familiar, como à dimensão profissional ou social. Frequentemente, temos dificuldade em conseguir conciliar todos os papeis que desempenhamos e cuidar do nosso bem estar.

Por outro lado, existem momentos de crise em que necessitamos de ajuda para ultrapassar as nossas dificuldades e limitações.

Na Psicoterapia encontra um espaço seguro e privado, onde pode reflectir sobre as questões que o/a inquietam e desenvolver as competências de que necessita para fazer face às adversidades e sentir-se bem consigo mesmo/a.

Problemáticas comuns:

Aconselhamento parental

>> Ser mãe ou pai é um dos mais exigentes e gratificantes desafios que podemos enfrentar durante a vida. No momento em que descobrimos que nos vamos tornar pais, a nossa percepção do mundo e de nós próprios altera-se para criar espaço para a nova vida que se aproxima.

Ser mãe ou pai é querer o melhor do universo para os nossos filhos. É amar para além de todos os limites. É guiá-los pela aventura da descoberta da vida. É vê-los crescer e tomar as rédeas do seu caminho.

Ser mãe ou pai é também ter dúvidas e angústias, é querer ser e fazer sempre melhor. É ultrapassar as nossas limitações pessoais, vencer o cansaço e as contrariedades e dar o melhor de nós a cada dia.

Nas sessões de Aconselhamento Parental encontrará um espaço para partilhar e esclarecer as suas dúvidas e reflectir sobre si enquanto parte da sua maravilhosa constelação familiar.

Temáticas comuns:

Programa de Gestão de Stress

>> O Stress é uma das principais causas de doença nos nossos dias. No entanto, é também uma das problemáticas mais comuns na vida adulta.

Todos nós passamos por fases de stress e este até pode ser-nos útil quando precisamos de estar no nosso melhor para completar determinada tarefa, por exemplo. No entanto, o stress torna-se um problema quando se prolonga no tempo e quando se generaliza a situações em que não é necessário.

O stress de longa duração tem efeitos nefastos no organismo, como:

Como funciona o Programa de Gestão de Stress?

No Programa de Gestão de Stress efectuamos uma análise detalhada do papel que o stress tem na vida do individuo, avaliando as causas, os sintomas e as estratégias já implementadas para traçar um perfil individual. A partir deste perfil, traçamos um plano de Gestão de Stress adaptado a cada pessoa, que lhe permita aprender as técnicas e estratégias mais adequadas aos seus gostos e estilo de vida.

Treino de Atenção

Programa de estimulação da atenção em crianças e adolescentes com dificuldades manifestas nesta dimensão. Ao longo das várias sessões que compõem o programa, procuramos não só potenciar a atenção como promover o autocontrolo, estimular as capacidades de observação, análise e planeamento, controlando a impulsividade e fomentando a auto-regulação e aprendizagem autónoma.

Orientação Vocacional

>> A decisão sobre o nosso futuro profissional é uma das que maior impacto tem na nossa qualidade de vida. Embora não existam caminhos definitivos nem decisões irrevogável, este é um momento de grande importância e, se para alguns a escolha é clara e natural, para a maioria esta está envolta em inúmeras angústias e incertezas.

No Programa de Orientação Vocacional procuramos clarificar esta decisão, através da aplicação de testes e de entrevistas dirigidas, com o intuito de conhecer não só os gostos como as aptidões e capacidades de cada pessoa.

Este programa é indicado para:

Métodos e Técnicas de Estudo

>> Ouvimos muitas vezes dizer que o sucesso escolar e académico depende do esforço que fazemos. No entanto, muito frequentemente encontramos casos de estudantes que investem muitas horas a estudar e não conseguem atingir os seus objectivos, ao passo que outros têm grande facilidade em apreender os conhecimentos num curto espaço de tempo.

Por outro lado, encontramos ainda estudantes que simplesmente não conseguem manter-se motivados para estudar.

O que distingue uns estudantes dos outros?

As características individuais de cada pessoa, os seus interesses, o seu ambiente e as suas rotinas são factores determinantes para o sucesso de um plano de estudo. Para encontrarmos uma forma de estudar eficaz temos de ter em conta que cada pessoa é única.

No Programa de Desenvolvimento de Métodos e Técnicas de Estudo partimos da identificação de um perfil individual de aprendizagem, para construir um plano de estudo personalizado que permita ao estudante tirar o máximo partido do seu tempo de estudo.

carla-pacheco-psicologa

Carla Pacheco

Psicóloga Clínica

Carla Pacheco licenciou-se em 2005 em Psicologia Clínica, pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA). É membro efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses desde a sua criação e formadora certificada pelo IEFP. Adicionalmente, especializou-se como Técnica de Apoio à Vítima de Violência Doméstica e de Género pela AMCV.
Tem um percurso profissional considerável na área da Psicologia Clínica, acompanhando pessoas das mais variadas idades, em contextos tão diversos como o SNS, creches e escolas, clínica privada ou a intervenção comunitária. Desde 2008 que coordena equipas multi-disciplinares de intervenção clínica e comunitária e acompanha o trabalho dos colegas em inicio de carreira através da supervisão clínica e de estágios.
No âmbito da formação, trabalha atualmente como formadora, sobretudo nas áreas do desenvolvimento infantil e da parentalidade, tendo já exercido funções de gestão da formação profissional em organismos públicos, assim como consultoria e formação profissional em diversas universidades portuguesas.